carregando

Digite para pesquisar

Equipes esportivas do Santa Mônica realizam Avaliação Técnica

Início de ano é sempre marcado por Avaliações Técnicas dos atletas do Santa Mônica Clube de Campo. As Equipes de Badminton e Ginástica Rítmica foram as primeiras a realizar, no último dia 27 de janeiro, testes físicos, motores, de resistência, entre outros, para avaliar o desempenho de cada atleta. O objetivo é delinear, a partir desses resultados, os treinos específicos para suprir as necessidades desses Moniquenses.

A Técnica de Badminton, Loani Itschuk, conta que os testes realizados são do Projeto Esporte Brasil – Proesp, desenvolvido pela Universidade Federal de Rio Grande do Sul e como é a aplicabilidade deles. “Esse projeto é um teste de nível nacional e, por meio dele, queremos basear o nosso programa de treinos anual. Ele mostra, pela idade do atleta, em que condição ele se encontra – a partir dos resultados – em relação aos demais atletas do Brasil”, diz.

Segundo Loani, o Projeto tem uma validade maior diante de outros tipos de testes. “O Proesp tem uma boa aplicabilidade, que permite a nós utilizar os instrumentos que já temos no Clube, e isso trará melhores resultados nas competições durante todo o ano, mesmo que ainda incerto devido à pandemia, mas estão dentro dos nossos objetivos e estamos otimistas”, completa.

O Preparador Físico Gustavo Api explica sobre como estão os atletas do Clube atualmente. “Nós verificamos que houve, sim, uma queda tanto na parte física deles quanto na de coordenação, mas, com o retorno das atividades e dos treinos regulares, nós conseguiremos restabelecer essa queda”, complementa.

O Técnico de Ginástica Rítmica – GR, Bruno Régis Silva, também reforçou sobre como os resultados desses testes são importantes para avaliar as ginastas da Equipe. As atletas da GR ficaram muito tempo sem os treinamentos. “Elas conseguiram manter uma boa rotina durante o distanciamento, mas, ainda assim, com esse retorno, precisamos avaliar as suas capacidades e habilidades para poder realizar as nossas previsões e treinos para atender a necessidade de cada uma delas.

Para a temporada 2021, as jovens estão com vontade de treinar, de voltar às competições. Esses testes servem também para que elas se avaliem, para que elas possam analisar em que pontos precisam se dedicar mais. “Além disso, permite também que elas possam estudar mais ainda sobre a modalidade e trocar experiências com as colegas, o que isso é essencial”, conclui.

Bolsa Atleta Nacional

No início de janeiro 11 atletas da Equipe de Badminton foram contemplados com o Bolsa Atleta Nacional, um dos maiores programas de incentivo e de patrocínio ao Esporte. O programa existe desde 2005 e consiste em auxiliar, financeiramente, com recursos do Governo, atletas de alto rendimento e que obtiveram resultados expressivos em competições nacionais e internacionais de suas modalidades.

São eles: Caio de Souza, Guilherme Heiden, Leticia Costa Camargo, Maria Fernanda Souza, Renan Rocha Kruk, contemplados como atletas de base. Roberto Inafuco, Gabriela Low, Ana Julia Heiden e Julia Remes, como atletas nacionais e Marcelo Oliveira e Rosalina de Souza, como atletas internacionais.

“Os Moniquenses estão muito empolgados para a temporada 2021, ainda mais com a Bolsa. Isso os motiva muito a continuar batalhando sempre pelos melhores resultados. Os atletas que ainda não foram contemplados se espelham nos colegas e se sentem orgulhosos e incentivados também”, completa a Técnica Loani.

Perspectivas

Sobre as perspectivas para as Equipes, os técnicos do Badminton e Ginástica Rítmica afirmam estar confiantes e otimistas de que logo as competições retornarão e que os atletas Moniquenses estarão engajados e preparados.

As modalidades recebem recursos do Projeto de Formação de Atletas do Comitê Brasileiro de Clubes – CBC, para os equipamentos da preparação física e dos treinos e também para a folha de pagamento dos profissionais envolvidos como técnicos, nutricionistas, preparadores físicos e psicólogo.

A Equipe de Voleibol será a próxima a passar pela Avaliação Técnica, e as demais modalidades, na sequência.

Notícias do Santa Mônica